29. Intervir em um patrimônio histórico muita vezes significa destruí-lo. A arquitetura contemporânea parece não lidar bem, em seus detalhes, em sua materialidade, em sua força, com a história. Viajara a Veneza à trabalho, cobrindo a Bienal de Arquitetura para um jornal brasileiro. Corredores e corredores atulhados de projetos, de formas e aleatoriedades. Uma cacofonia de arquitetura. Veneza é encantadora e desesperadora. Por vezes, Veneza não parece lidar bem com a história. Os corredores do Arsenale e os Jardins da Bienalle seriam para mim um indício de desesperança. Por que arquitetura? Por que aquilo tudo? E eis que chego a ponta, a Punta della Dogana. Tadao Ando. 2007-2009. Um susto. O sublime. A mais precisa intervenção em um edifício histórico que já visitara até então; uma das mais encantadoras arquiteturas que já estive. É bom voltar a se apaixonar pela arquitetura. Talvez ainda haja algum sentido nela.

Retomo hoje o projeto após pausa de final de ano! Postarei aqui no Instragram fotos de 100 edifícios dos últimos 100 anos. Bati essas fotos ao longo dos últimos 10 ou 15 anos, com câmeras e celulares, e padronizarei todas em Preto e Branco. A ordem das publicações será randômica, sem organização de tempo/espaço. #100edificiosdosultimos100anos #100buildingsfromthelast100years

29. Intervir em um patrimônio histórico muita vezes significa destruí-lo. A arquitetura contemporânea parece não lidar bem, em seus detalhes, em sua materialidade, em sua força, com a história. Viajara a Veneza à trabalho, cobrindo a Bienal de Arquitetura para um jornal brasileiro. Corredores e corredores atulhados de projetos, de formas e aleatoriedades. Uma cacofonia de arquitetura. Veneza é encantadora e desesperadora. Por vezes, Veneza não parece lidar bem com a história. Os corredores do Arsenale e os Jardins da Bienalle seriam para mim um indício de desesperança. Por que arquitetura? Por que aquilo tudo? E eis que chego a ponta, a Punta della Dogana. Tadao Ando. 2007-2009. Um susto. O sublime. A mais precisa intervenção em um edifício histórico que já visitara até então; uma das mais encantadoras arquiteturas que já estive. É bom voltar a se apaixonar pela arquitetura. Talvez ainda haja algum sentido nela. Retomo hoje o projeto após pausa de final de ano! Postarei aqui no Instragram fotos de 100 edifícios dos últimos 100 anos. Bati essas fotos ao longo dos últimos 10 ou 15 anos, com câmeras e celulares, e padronizarei todas em Preto e Branco. A ordem das publicações será randômica, sem organização de tempo/espaço. #100edificiosdosultimos100anos #100buildingsfromthelast100years

FEATURED